SEBRAE Inteligência Setorial

SEBRAE

Turismo

Imagem de título do setor Turismo
15 de agosto de 2019

ATIVIDADE TURÍSTICA CRESCE EM 2,6% EM JUNHO, APONTA IBGE

No acumulado dos seis meses, o crescimento foi de 3,1%. Estados do Nordeste apresentaram as maiores altas

ATIVIDADE TURÍSTICA CRESCE EM 2,6% EM JUNHO, APONTA IBGE

Dados da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), reafirmaram o otimismo com o turismo e apontaram aumento do volume de atividades turísticas no Brasil. O índice de junho de 2019 cresceu 2,6% em relação ao mesmo período do ano passado, influenciado pelas empresas de hotéis, de locação de automóveis e de restaurantes. Três estados da região Nordeste registraram as maiores altas: Ceará (10,9%), Bahia (6,9%) e Pernambuco (6,5%). Minas Gerais também registrou crescimento expressivo: 5,2% em relação a junho do ano passado.

Com relação ao semestre, as atividades turísticas no país registraram um aumento ainda maior: 3,1% em relação aos primeiros seis meses de 2018. As atividades que mais impulsionaram o setor foram, novamente, os hotéis, locação de automóveis, além dos serviços de catering, bufê e outros serviços de comida preparada. O Ceará foi a unidade federativa que teve o melhor desempenho: aumento de 9,9%.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, comemorou os números positivos do turismo divulgados pelo IBGE e refirmou a relevância do setor para alavancar a economia brasileira. “As notícias são boas. O turismo realmente chegou no momento que está tendo contribuição efetiva com a economia do país, gerando emprego e renda para a população”, afirmou.

DESTINOS BRASILEIROS - Outros números divulgados nesta semana também ratificaram o atual otimismo com o setor turístico. De acordo com levantamento realizado pela agência de viagens online Expedia, entre janeiro e junho, a procura de turistas nacionais e internacionais por destinos brasileiros cresceu 30%, sendo o mercado doméstico o que mais demandou viagens dentro do país, correspondendo a 77% da busca no período. Os outros 23% foram preenchidos principalmente por visitantes oriundos de países como Estados Unidos, Argentina, Chile, Reino Unido e México.

Fonte:
Ministério do Turismo
Autor:
Ministério do Turismo - Por Rafael Brais
Publicado em:
14 de agosto de 2019

Você também vai gostar de ler