SEBRAE Inteligência Setorial

SEBRAE

Petróleo e Gás

Imagem de título do setor Petróleo e Gás
26 de setembro de 2018

ANP lança Banco de Dados Ambientais

A ANP lançou nesta terça-feira (25/9), durante a Rio Oil & Gas, o Banco de Dados Ambientais, que reúne, em uma única base, os dados de pesquisas relacionadas ao licenciamento ambiental durante as fases de exploração e produção de petróleo. O projeto é uma parceria entre a Agência e o Ibama.

ANP lança Banco de Dados Ambientais

A ANP lançou nesta terça-feira (25/9), durante a Rio Oil & Gas, o Banco de Dados Ambientais, que reúne, em uma única base, os dados de pesquisas relacionadas ao licenciamento ambiental durante as fases de exploração e produção de petróleo. O projeto é uma parceria entre a Agência e o Ibama.

O objetivo é que a ANP colabore com o Ibama no processo de concessão das licenças ambientais, na medida em que amplia o acesso a dados técnicos georreferenciados e confiáveis.

A ferramenta irá reunir informações dos diversos bancos de dados ambientais que existem atualmente, além de agregar novos dados egressos de futuros estudos. Entre eles, está, por exemplo, a base da International Association of Geophysical Contractors – IAGC, relacionada aos programas de monitoramento realizados durante as aquisições sísmicas realizadas na costa brasileira.

A iniciativa é parte do Programa de Modernização de Dados Técnicos aprovado pela Diretoria Colegiada da ANP no início de 2018, que envolve quatro pilares de desenvolvimento: tecnologia, infraestrutura, regulação e meio ambiente. Além do Banco de Dados Ambientais, ainda se destacam entre os projetos estruturantes o Centro de Rochas e Fluidos Digital e a Rede de Litotecas, Big Data e Ciência de Dados, e o Sensoriamento Remoto por Radar das Atividades Petrolíferas.

A intenção da ANP é reposicionar o atual Banco de Dados de Exploração e Produção (BDEP) como referência técnica e fonte de consulta da indústria, academia e órgãos governamentais.

Participaram do lançamento a vice-ministra de Petróleo e Energia da Noruega, Ingvil Gjedde; a cônsul da Noruega do Rio de Janeiro, Sissel Hodne, e o coordenador-geral de Licenciamento Ambiental de Empreendimentos Marinhos e Costeiros do Ibama, Antônio Borges.

Imagem: Foto - Lançamento do Banco de Dados Ambientais da ANP, durante a Rio Oil & Gas 2018.

Crédito: Divulgação ANP

Fonte:
ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural & Biocombustíveis)
Autor:
ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural & Biocombustíveis)
Publicado em:
26 de setembro de 2018

Você também vai gostar de ler